O único psiquiatra do Butão

A edição portuguesa do Courrier Internacional reproduz a história de Chencho Dorji, o único especialista em psiquiatria num país com 730 mil habitantes. A história, verdadeira, é um belo ensaio sobre a forma como as "medicinas tradicionais" deixam os doentes ser consumidos pelas doenças do cérebro sob a crença de que se tratam de possessões … Continuar a ler O único psiquiatra do Butão

Privatizado

Privatizaram a sua vida, o seu trabalho, a sua hora de amar e o seu direito de pensar. É da empresa privada o seu passo em frente, o seu pão e o seu salário. E agora não contentes querem privatizar o conhecimento, a sabedoria, o pensamento, que só à Humanidade pertence. [Bertolt Brecht]

A política dos nossos dias

Quem (como eu) gosta de ver a política do lado de fora dos partidos não pode deixar de estar preocupado com alguns fenómenos que ameaçam transformar a vida pública do país num pântano absolutamente asfixiante. Em primeiro, a progressiva judicialização da política entregou aos tribunais o centro das decisões públicas mais relevantes da última legislatura, permitindo desresponsabilizar os atores políticos … Continuar a ler A política dos nossos dias

Religiosidade e suicídio

Um estudo publicado no British Journal of Psychiatry analisa a influência da religiosidade na morte por suicídio, concluindo que o risco de suicídio é idêntico entre católicos, protestantes e não crentes (ateus e agnósticos). A evidência produzida por estes resultados contraria a teoria do sociólogo Durkheim segundo o qual a religiosidade funcionava como elemento protetor relativamente ao … Continuar a ler Religiosidade e suicídio

Da esquerda e da direita. [2]

Nos USA, o governo de Obama conseguiu aumentar o número de empregos reais e suplantar os níveis de emprego pré-crise 2008/09. Enquanto isso o bloco europeu, governado à direita, arrasta-se pesarosamente pela crise, agravando a pobreza, destruindo o emprego real e condenado uma geração inteira à precariedade e aos cursos de formação profissional.

Em defesa da Medicina Geral e Familiar

A proposta conhecida por estes dias de equiparar médicos indiferenciados com seis anos de prática médica a especialistas em Medicina Geral e Familiar (MGF) é profundamente gravosa para os utentes do Serviço Nacional de Saúde, desrespeitosa para os internos e especialistas em MGF e relevadora de uma inacreditável ignorância acerca das especificidades daquela disciplina médica. Esta … Continuar a ler Em defesa da Medicina Geral e Familiar

Pobreza aumenta para níveis do início do século

A estrutura moral do governo de um país não se mede nem pela intensidade com que se bate no peito nem pela ligeireza com que se curva perante as autoridades religiosas mas sim pela forma como se combate a pobreza. Os números que agora conhecemos envergonham o país mas devem envergonhar sobretudo o governo e aqueles que o apoiam. … Continuar a ler Pobreza aumenta para níveis do início do século