Dos efeitos da crise na saúde

6226397461_82b5a432f7_b

O Observatório Português dos Sistemas de Saúde acusa o governo de viver num “estado de negação” ao ocultar o impacto negativo da crise na saúde das pessoas e não acautelar nem minimizar esses efeitos nos grupos mais vulneráveis. O observatório destaca que, apesar dos melhores registos do que é feito, têm aumentado de forma muito significativa as complicações decorrentes do mau controlo das doenças crónicas (como, por exemplo, a diabetes), as mortes por doenças respiratórias e os problemas de saúde mental. No que respeita à saúde mental, o observatório recorda que Portugal regista uma taxa de 22,9% no Mental Health Survey Initiative de 2013, ocupando o terceiro lugar no topo das prevalências, apenas ultrapassado pelos Estados Unidos e Irlanda do Norte.  Associadamente, Portugal regista um aumento do consumo de bebidas alcoólicas e de cannabis bem como de ansiolíticos, sedativos e hipnóticos. Os efeitos da crise manifestam-se também na subida da prevalência de crimes contra pessoas, como homicídios, violações e ofensas à integridade física.

Estes dados confirmam as preocupações que têm sido repetidamente enunciadas acerca dos efeitos negativos das políticas de austeridade na vida dos portugueses. A verdade é que, apesar de todos os sacrifícios, a generalidade dos portugueses vive em piores condições e o país tem mais problemas sociais e de saúde para resolver no futuro próximo. Este cenário é ainda mais gravoso quando se sabe que as desigualdades sociais se têm ampliado e que os grupos mais vulneráveis estão hoje ainda mais expostos às dificuldades. No fundo, todos estes dados acabam por demonstrar que, afinal, nem tudo vale pena mesmo se a alma não for pequena.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s