Condenados sem crime

mental

“Onde há guerra e fome, são os mais vulneráveis que mais sofrem”. É assim que Robin Hammond, um fotojornalista neozelandês, descreve o cenário dantesco e desumano em que vivem as pessoas com doenças psiquiátricas algures na África subsariana. Entre mitos e medos, entre miséria e violação, os doentes psiquiátricos são ali tratados como autênticos condenados sem crime. A reportagem, publicada na página online da Time, pode chocar os mais sensíveis mas há que mostrá-la para sensibilizar tantos quantos possível para esta causa.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s